Logomarca Inédia Propaganda
COMPARTILHE
Facebook Twitter Linkedin Pinterest

 

Criada em 2008, a Cors iniciou sua história com a representação de móveis corporativos. Com a demanda em planejados crescendo a cada ano, a empresa passou a investir em marcenaria própria e atuar, também, no mercado residencial.

Hoje, a empresa oferece soluções completas em ambos os segmentos e, além de representar grandes indústrias e marcas, trabalha com projetos autorais, respondendo ao máximo às necessidades e expectativas de cada cliente.

Por assumir novos compromissos e incluir processos mais elaborados em suas criações, chegou a hora da Cors evoluir e seguir novos caminhos. No entanto, isso não quer dizer que a empresa vai deixar seus valores para trás.

Sendo assim, a Inédita entrou em ação para acompanhar este novo movimento da empresa, propondo um novo logotipo sem deixar seus objetivos e sua essência de lado. Por isso, para essa tarefa, entendemos claramente como a Cors é pautada - compromisso em levar soluções em mobiliários para diversos ambientes, sejam eles corporativos ou residenciais, desenvolvendo projetos sempre guiados pelo conforto e harmonia.

Assim criamos a Durini.



Da Itália para o mundo
Durante um processo de naming, é essencial estudar as características principais do projeto. A inspiração do novo nome (DURINI) veio da famosa rua em Milão, já que ela concentra uma formidável coleção de lojas de algumas das mais conceituadas marcas de móveis e design no mundo.

No coração da Itália, a via se tornou palco para a criação e lançamentos de novas edições de peças que representam o melhor do design atual. Lá estão concentrados os principais showrooms e é onde surgem todas as tendências mundiais.

Da mesma Via Durini que inspirou o nome, fomos até o Palazzo Durini para nos ajudar a dar forma ao sentimento. O pátio interno e a amplitude dos espaços, combinados com a localização tranquila e ao mesmo tempo central, são características do palácio que foi construído em 1648 pelo arquiteto Francesco Maria Richini para abrigar a residência de Giovan Battista Durini.

O edifício, que hoje abriga a Fundação Alessandro Durini, tem origens medievais e foi declarado como interesse artístico pelo Ministério do Patrimônio Cultural. Aberto a artistas e amantes da arte, o palácio traz em sua arquitetura moldes de gesso, estátuas e piso nobre com decorações no estilo teresiano.

Detalhes
A beleza da fachada barroca foi a inspiração para a tipografia, especialmente personalizada para representar a estrutura da parte externa da obra. O diferencial da fonte pode ser notado através da letra D, que traz em seu formato a união das esquadrias das janelas - intercaladas entre semi círculos e triângulos. Ainda, os espaços entre cada letra foram criados com base no portal de entrada do palácio.

Vale apontar que, apesar de ser uma marca na qual a tipografia se basta, a letra inicial pode ser usada como ícone em casos específicos.

No conjunto da marca, procuramos buscar cores que se complementam e formam, juntas à tipografia, os valores da empresa. Trabalhamos prioritariamente com o Marsala, acompanhado de bege e preto.

A matiz principal foi escolhida por ser um equilíbrio entre tons terrosos da madeira e o vermelho da bandeira de Milão, representando, respectivamente, os móveis da marca e a cidade de sua inspiração. Essa é uma tonalidade sofisticada e estilosa, que traz confiança e estabilidade aos sentidos. Além disso, remete à elegância, mistério e impacto.

Já o bege transmite calma e passividade. Está associado ao clássico, a sensação de aconchego e conforto. Ainda, por ser uma variação do marrom, entra em harmonia com o marsala de forma discreta e equilibrada.

Por fim, o preto é associado com poder e elegância. Denota força e autoridade, e é visto como a cor da sabedoria interior, a qualidade e riqueza. Ela está associada com prestígio, luxo e riqueza material, o que sugere que um produto ou serviço é exclusivo.

 

COMPARTILHE
Facebook Twitter Linkedin Pinterest